Solução do cubo mágico

Inventado em 1974, pelo húngaro Ernõ Rubik, o cubo de Rubik, popularmente conhecido como cubo mágico continua encantando gerações. Mas, o que é o cubo mágico? Ele é um quebra-cabeça tridimensional confeccionado em plástico composto por 6 faces com cores diferentes.

 

Cada face é dividida em nove partes, 3x3x3, num total de 26 peças que se articulam entre si. O mecanismo da peça que permite a articulação fica no interior central do cubo. Existem outras variantes do cubo mágico, como as versões 2x2x2, 4x4x4x, 5x5x5, 6x6x6x e 7x7x7. No entanto, a 3x3x3 é a mais comum até hoje.

Na década de 1980 o brinquedo, um dos mais populares do mundo, virou febre no Brasil. A diversão era garantida. Todo mundo queria achar a solução para o cubo mágico. No entanto, poucos conseguiram ou conseguem completá-lo. Até mesmo o inventor do cubo mágico, que demorou um mês para resolvê-lo pela primeira vez. Isso mostra que não é qualquer um que desvenda o seu segredo. Até hoje muitas pessoas ainda não conseguiram resolver nenhuma combinação do cubo mágico. E isso é compreensível, já que existem 43.252.003.274.489.856.000 configurações possíveis. É ou não é um quebra-cabeça?

 

Mas, quanto tempo leva para resolver o cubo mágico? Cada pessoa leva o seu tempo para descobrir como solucionar a combinação. Mas há pessoas que se dedicam a resolver a configuração o mais rapidamente possível. Tem até concurso para descobrir quem é o mais rápido. E o recorde mundial de menor tempo é de 5.55s, conseguido pelo holandês Mats Valk em Março de 2013.

Bom, também existia a curiosidade para saber quantos movimentos eram necessários para completar o cubo mágico. Com a ajuda de supercomputadores, matemáticos descobriram que o menor número de movimentos para resolver o cubo é 20, ou seja, a solução pode ser encontrada somente realizando 20 etapas. A esse menor número de movimentos foi dado o nome de “número de Deus”.

COMO MONTAR UM CUBO MÁGICO – Tutoriais

Quem ainda não está familiarizado com o cubo mágico deve, primeiramente, conhecer as peças e as partes do quebra-cabeça para depois resolver o cubo mágico. Ele contém 6 faces (frontal, lateral direita, lateral esquerda, superior, inferior e posterior) e 3 camadas em cada face (superior, mediana e inferior). Ao todo, são 28 cubos.

O cubo mágico é composto de peças de centro, meios e cantos (bordas). Como cada face tem nove pequenos cubos em forma de quadrado, a peça central (possui uma cor e nunca é rotacionada) está na segunda linha. Os meios correspondem ao segundo quadradinho das camadas (ao todo são quatro meios com peças de dois lados). Já os cantos são as quatro bordas de cada face do cubo mágico (peças de 3 lados em uma peça só). O exemplo corresponde a um cubo 3x3x3.

Cubos mágicos

Para solucionar o cubo mágico deve-se girar cada uma das camadas em sentido horário ou anti-horário até que cada face tenha todos os nove adesivos da mesma cor.

Muitas pessoas pensam que se você resolver somente uma das seis faces será possível solucionar o problema. Só que isso não é verdade. Se você resolver um dos lados individualmente nunca conseguirá decifrar o enigma.

Então, quer saber como montar o cubo mágico? Confira esse tutorial sobre cubo mágico a seguir, e divirta-se. Quem sabe se depois de aprender a montá-lo você não desafia seus amigos para ver quem consegue terminá-lo mais rapidamente.

Agora acompanhe um tutorial em 7 passos com a solução do cubo mágico: