Saiba como emagrecer com Pilates

Joseph Pilates criou o método Pilates lá atrás, em meados de 1920. Hoje as aulas de pilates estão se tornando cada vez mais populares, com uma busca que cresce cada vez mais. Os benefícios são muitos e muitas vezes quem não se adapta a rotina de academias de ginástica e musculação pode encontrar a solução para se tornar mais saudável no pilates.

 

O tal Joseph nasceu na Alemanha e era um garoto franzino. Sofria de várias enfermidades, inclusive raquitismo. Na adolescência o prognóstico clínico era de que ele ficaria entrevado em uma cadeira de rodas. Autodidata, o garoto começou a estudar medicina oriental, ioga, artes marciais, meditação, fisiologia e anatomia. Desenvolveu a partir de seus estudos aparelhos primitivos para praticar exercícios por conta própria, acreditando que podia melhorar sua condição. Ficou obcecado e desenvolveu mais de 500 exercícios diferentes com sua parafernalha. Resultado, o garoto franzino se tornou um grande mergulhador e ginasta.

O grande diferencial de seu método é que o pilates tinha uma rotina diferente de exercícios para cada pessoa que queria praticá-lo. Ou seja, às vezes um mesmo exercício não servia para outras pessoas.

No final das contas, o Pilates acabou se tornando um método para ganhar mais condicionamento, seja físico, muscular ou cardio-vascular, melhorando a saúde de modo geral e emagrecendo, tornando o praticante mais elegante.

Curiosidade:: na verdade o sobrenome de Joseph era Pilatu, mas como ele sofria bullying quando criança mudou para Pilates. As crianças gritavam "Pôncio Pilatu assassino de Jesus", em referência a Pôncio Pilatos.

Ao longo das décadas o Pilates tradicional de Joseph Pilates recebeu várias adições advindas de outras filosofias e métodos de exercício. Entre as influências que o Pilates moderno recebeu dá para citar:

  • Conceitos de outros métodos e terapias como Rolfing, Polestar e Feldenkrais
  • Power Yoga
  • Stretching
  • Fisioball
  • Gyrokinesis
  • Outras técnicas de conscientização corporal
  • Teorias de controle motor
"Meu método está muito a frente do nosso tempo e só será reconhecido daqui a 50 anos.
(Joseph Pilates)
"

Afinal para que serve o Pilates?

Pegando os conceitos originalmente inventados por Joseph Pilates e misturando ténicas e conceitos modernos como vimos acima, chegamos ao Pilates Moderno. O consenso geral dos estúdios que ministram aulas de Pilates é de que ele serve para exercitar a musculatura, tonificando-a. Ao mesmo tempo mexe com toda a postura corporal. As aulas de Pilates em geral duram 55 minutos e com o tempo o aluno ficará com um ótimo condicionamento físico e terá reestruturado sua postura, ficando mais ereto, alto, até mesmo elegante, pois emagrece. Nota-se que o peito fica mais aberto, os ombros mais alinhados e a coluna vertebral no lugar correto. No fim das contas, a promessa é de uma melhora geral na vida do indivíduo.

Quem procura o Pilates está atrás de um substituto para exercícios físicos que demandam mais desgate, como ginástica, musculação, natação e até corridas e caminhadas. Geralmente quem começa não para mais, a margem de satisfação é muito alta. Talvez as características das aulas sejam o maior atrativo, já que são extremamente diversificadas e qualquer um pode fazer, basta ter mais de 12 anos. O condicionamento físico não importa, já que as aulas de Pilates não exigem desgaste físico.

  • Exercícios variados e eficazes;
  • Os movimentos são feitos sem pressa, de maneira suave e pouco se repetem;
  • Exite uma enorme gama de exercícos que se adaptam a cada pessoa;
  • Aulas personalizadas e únicas, o que evita a repetição e eventual monotonia;
  • Uso de aparelhos e acessórios criados especialmente para os exercícios;
  • Os resultados tendem a ser rápidos e a terem um efeito duradouro;
  • Ajuda a corrigir e melhorar a postura corporal;
  • Não exige condicionamento físico prévio, já que não há desgaste físico nas aulas.

20 Benefícios do Pilates

Já vimos que o Pilates pode ser uma alternativa viável para quem procura algo diferente. Como ele se adapta ao indivíduo e não o contrário, qualquer um pode arriscar umas aulinhas. Idosos, quem tem algum problema ou restrição física e até mesmo quem não curte exercícios. Quem já faz exercícios de forma constante, ou mesmo quem é atleta, pode usar o Pilates como um excelente complemento, já que ele pode melhorar o desempenho do desportista. Com o passar do tempo, o praticante de Pilates consegue ter uma melhora geral de saúde significativa.

"Com 10 sessões você perceberá a diferença; com 20 sessões os outros irão perceber a diferença; e com 30 sessões você terá um novo corpo. (Joseph Pilates)"
  1. Fortalecimento dos músculos (tônus e força), principalmente os músculos abdominais;
  2. Alongamento dos músculos que estão encurtados;
  3. Aumentar a mobilidade das articulações;
  4. Melhora a flexibilidade;
  5. Os movimentos precisam de fluência e são feitos sem pressa, com controle evitando o estresse;
  6. A postura é fundamental nos exercícios. As aulas acabam ajudando a corrigir e melhorar a postura geral;
  7. Força, tonificação muscular e alongamento são trabalhados de dentro para fora do corpo com o intuito de torná-lo mais saudável, forte;
  8. Com a melhora postural o aluno se torna mais elegante e harmonioso;
  9. Ganho de condicionamento físico e mental;
  10. Ajuda a aumentar o controle corporal;
  11. Correção postural, melhora a postura corrigindo hábitos errados;
  12. Relaxa, aliviando a tensão, ansiedade, fadiga e estresse;
  13. Ajuda a aliviar e em alguns casos acabar com dores crônicas através do fortalecimento dos músculos da coluna;
  14. Estimula a coordenação motora, melhorando-a;
  15. Corrige e melhora a função cardio-respiratória;
  16. Promove melhor oxigenação e circulação do sangue;
  17. Ajuda o organismo a fazer uma drenagem linfática natural facilitando a eliminação de toxinas;
  18. Fortalece os órgãos em geral;
  19. Melhora e aumenta a concentração;
  20. Melhora o desempenho sexual.

 

Mat Pilates e Studio Pilates: Qual a diferença?

Na hora de procurar uma aula de Pilates você pode ficar confuso quanto aos métodos que existem por aí. Os dois mais comuns são o Mat Pilates, que são exercícios praticados no solo e o Studio Pilates, exercícios praticados com a ajuda de aparelhos.

Quem é novo em Pilates deve ter cuidado na hora de escolher em qual modalidade iniciar. O consenso geral é que o Pilates de solo (Mat Pilates) exige mais esforço na hora de fazer os exercícios. Ou seja, o aluno vai fazer mais força com os músculos, precisa de mais equilíbrio e alongamento. Talvez seja mais apropriado para quem já faz exercícios ou quem faz o Studio Pilates há mais tempo. Como o Studio Pilates é feito com o auxílio de aparelhos é perfeito para quem está parado e vai começar o Pilates, uma vez que os aparelhos auxiliam na realização dos exercícios.

Studio Pilates

  • Praticado com o uso de aparelhos;
  • Perfeito para iniciantes em Pilates;
  • Alinhamento do corpo, melhora na musculatura e organismo em geral.

Mat Pilates

  • Praticado no solo com colchonete e acessórios, como pesos de 1 Kg, elásticos e círculo mágico;
  • Exige mais do físico utilizando o peso do próprio corpo;
  • Focado em concentração, controle, centralização, respiração, precisão e fluidez, proporcionando força abdominal, resistência e flexibilidade da coluna, bem como melhora na respiração e postura.