Os 100 mais ricos do mundo

Curiosidades1.913 Visualizações

A Bloomberg, empresa responsável por coletar, processar e distribuir informações financeiras do mundo todo divulgou uma lista atualizada com as 100 pessoas mais ricas do mundo. Quatro brasileiros entraram na lista, com Jorge Paulo Lemann sendo o mais bem colocado (37ª posição). Apenas bilionários fazem parte da lista.

 



 

Lemann controla a maior cervejaria do mundo, a Anheuser-Busch InBev e sua fortuna está avaliada em US$ 19,6 bilhões.

Os outros três brasileiros que entraram na lista dos mais ricos: Dirce Camargo (65ª posição), Eike Batista (78ª posição) e Joseph Safra (83ª posição).

Os mais ricos do mundo são o mexicano Carlos Slim, dono do grupo Carso, em primeiro lugar (US$ 78,2  bilhões), o americano Bill Gates, de 56 anos e cofundador da Microsoft vem em segundo (US$ 64 bilhões) e o espanhol Amancio Ortega, dono do grupo têxtil Inditex, que detém a marca Zara, vem em terceiro (US$ 59,1 bilhões).

Eike Batista não é mais o brasileiro mais rico

Muitos pensam que Eike Batista estaria entre os 10 mais ricos do mundo e de fato o bilionário brasileiro ocupava a oitava posição até março de 2012. Porém Eike foi perdendo posições e acabou na 78ª posição. A causa foi a queda das ações de suas empresas na bolsa, assim como um volume maior de investimentos feitos.

O empresário atua em vários setores e tem diversificado cada vez mais seus negócios, mas as principais áreas de atuação das empresas do Grupo EBX são petróleo (OGX), energia (MPX), logística (LLX), indústria naval (OSX), mineração (MMX) e carvão mineral (CCX).

Eike perdeu inclusive o posto de brasileiro mais rico, caindo para terceiro lugar, atrás de Lemann e Dirce Camargo. Dirce é herdeira do Grupo Camargo Correa (construção online casino civil) e estima-se que sua fortuna seja de US$ 13,9 bilhões.

Já Joseph Safra, nome que fecha a lista dos brasileiros entre os 100 mais ricos do mundo, é o dono do Grupo Safra, que engloba o Banco Safra. Sua fortuna está avaliada em 12,3 bilhões de dólares.

A queda de Eike Batista no ranking da Bloomberg aconteceu em apenas um dia. O bilionário "perdeu" cerca de US$ 6,8 bilhões segundo os cálculos da Bloomberg. Eike vendeu 5,63% da holding EBX no mês de março de 2012 em um negócio de US$ 2 bilhões. O fundo Mubadala Development, de Abu Dhabi (Emirados Árabes) foram os compradores. Informações dão conta que no acordo Eike concordou em dividir lucros (a quantia não foi especificada) se até 2019 sua holding não entregar retorno anual de pelo menos 5% sobre o investimento do fundo. Esse fator levou a Bloomberg a reavaliar o valor das empresas do bilionário, retirando a quantia de quase 7 bilhões de sua avaliação de bens.

O Índice Bloomberg

O Índice Bloomberg dos bilionários é atualizado diariamente. Acesse o site e confira a ferramenta interativa http://www.bloomberg.com/billionaires/2013-01-22/aaa. Dá para ver também meses anteriores, basta deslizar a barrinha debaixo dos ricaços e ver os rostos trocando de lugar.

Mais ricos do mundo Forbes

A Forbes, revista americana sobre economia e negócios e especializada em finanças, marketing, investimento e indústria também mantém uma lista com os homens mais ricos do mundo. No início de 2013 Eike Batista ainda aparece como o oitavo empresário mais rico do mundo. Confira no vídeo abaixo os 10 mais ricos do mundo segundo a revista Forbes (jan/13).