iWatch, iPhone 5S e iPhone barato

Quem é fã dos produtos lançados pela Apple aguarda ansiosamente por novas versões de smartphones, por exemplo. Pois, já surgem em blogs e sites as primeiras informações sobre a fabricação do iPhone 5s, que deve ser lançado ainda em 2013. Já podem ser conhecidas, inclusive, através de fotografias como será o novo smartphone da Apple.

 

No entanto, a empresa não confirma as especulações, deixando, portanto, os apaixonados pelo smartphone ainda mais curiosos e esperançosos quanto ao novo modelo do iPhone.

Mas, não é somente o iPhone 5s que será lançado pela Apple. A empresa desenvolve ainda um modelo de smartphone mais barato, voltado para quem tem menor poder aquisitivo, que está sendo chamado de iPhone barato. Por utilizar material mais barato em sua fabricação, este será vendido por cerca de metade do preço do iPhone 5

A terceira novidade para este ano é o iWatch, o relógio inteligente da Apple, que poderá trabalhar conectado ao smartphone e ao tablet. O aguardado relógio de pulso deve ser lançado até o final de 2013. 

Confira a seguir mais informações sobre os novos produtos da Apple.

Produção do iPhone 5s já começou

Desde fevereiro de 2013 há especulações sobre a fabricação do iPhone 5s, da Apple. Agora, segundo o site japonês Macotakara, a produção parcial do novo smartphone já começou. A responsável é a empresa Foxconn, na China. O smartphone estaria sendo fabricado na mesma linha de produção usada para o iPhone 5. Isto porque, de acordo com os rumores, o novo modelo será semelhante ao atual. Ou seja, o visual do iPhone 5s seria similar ao do iPhone 5, com pequenas diferenças.

Apesar de algumas semelhanças com o iPhone 5, o iPhone 5s deverá vir com um novo  chip, o Apple A7, e terá um processador mais potente. Segundo os rumores, haverá melhoramentos na câmera, com tecnologia Smart Flash.

Uma das grandes novidades seria um chip de identificação de impressões digitais, ou seja, somente o dono poderia usar o aparelho através da tecnologia biométrica. No entanto, ao analisar fotografias que vazaram na internet especialistas dizem que o botão “Home” do iPhone 5s não terá leitor de digitais, sendo, portanto, igual ao botão do iPhone 5. Com certeza, esta erá uma decepção para quem gosta de novidades em seu smartphone.  

Há duas hipóteses para a data de lançamento do iPhone 5s: junho-julho ou agosto de 2013. Com relação ao preço, o smartphone mais avançado da Apple ficará em torno de U$S 650 desbloqueado.

Apesar de todas as especulações e notícias que saem na imprensa, a Apple não confirma nenhuma informação sobre o iPhone 5s.

iPhone barato em 2013 ou 2014

Há muito tempo surgem rumores de que a Apple vai lançar um modelo mais barato do iPhone, mas ainda não havia confirmação sobre a fabricação do smartphone voltado para consumidores de menor poder aquisitivo. Só que agora os boatos aumentaram e segundo o site japonês Macotakara, a Apple deve lançar em breve um iPhone barato (existem dúvidas quanto ao ano, se em 2013 ou 2014). A Apple, no entanto, ainda não confirmou as informações divulgadas.

Entre as novidades deste novo modelo está o fato dele ser feito em policarbonato, ou seja, ele será de plástico, sendo o mesmo material usado nos MacBooks. Por causa disso, a versão de baixo custo do iPhone será mais robusta. Em compensação, devido ao material utilizado este iPhone será mais resistente que os existentes atualmente.

O iPhone barato virá ainda com tela maior, de 4,5 polegadas. Assim sendo, o smartphone será maior que outros modelos. A adição de mais um LED para o flash da câmera também deve se tornar realidade. Já os botões e design geral devem ser os mesmos do iPhone 5. Não haverá tela de retina. Peças recicladas de modelos antigos também devem ser utilizadas. O smartphone de baixo custo viria com um processador Snapdragon, da Qualcomm, no lugar do chip A6.

Devido a utilização de material mais barato na fabricação do iPhone, especula-se ainda que o preço deste smartphone barato ficará em US$ 330 (R$ 653), ou seja, cerca de metade do preço do iPhone 5. 

iWatch – o relógio inteligente da Apple

Um relógio da Apple moderno e inteligente, capaz de se comunicar com o smartphone e tablet por meio de conexão sem fio Bluetooth. Sonho ou realidade? Pois esta é uma das mais aguardadas novidades da empresa norte-americana: o iWatch, o relógio inteligente da Apple que deve ser lançado até o final de 2013. 

Jornais, sites e agências de notícias têm divulgado algumas informações sobre o relógio da Apple, no entanto, a empresa ainda não se pronunciou sobre o assunto. Segundo a agência Bloomberg, o relógio de pulso estaria sendo desenvolvido por uma equipe de 100 pessoas. A Apple já teria, inclusive, registrado mais de 70 patentes referentes ao relógio. Note que a foto de chamada desse artigo é puramente ilustrativa, ninguém tem pistas de como o relógio se parecerá.

Mas, o que o iWatch tem de especial? As especulações ainda são muitas, porém o que se sabe é que o relógio deverá rodar o sistema operacional iOS, o mesmo do iPhone e do iPad, por isso o iWatch poderá trabalhar conectado ao smartphone e ao tablet da Apple. 

Segundo fontes do site chinês TBbus.com, o relógio, ao ser utilizado como acessório do iPhone, permitirá que o usuário receba notificações sem precisar tirar o seu smartphone do bolso. Ou seja, o relógio poderá funcionar como um smartphone no seu braço e ser usado como um dispositivo viva voz de pulso.  

Segundo os comentários, o iWatch terá design inovador e que a empesa estaria avaliando o uso de um tipo de vidro flexível, chamado de Willow Glass, e que teria apenas um décimo de milímetro de espessura. Assim sendo, com o Willow Glass (que está sendo fabricado pela mesma empresa que criou o Gorilla Glass), o iWatch teria uma tela sensível ao toque curva e flexível, podendo se estender até a pulseira do relógio. Através da tela de 1,5 polegadas OLED será possível visualizar informações como notícias, mensagens, alertas, mapas e previsão do tempo. 

Rumores indicam ainda que o acessório contará com sensores que vão monitorar a saúde do usuário e um pedômetro, que serve para contar os passos quando a pessoa anda ou corre. Pelo menos por enquanto o relógio da Apple não terá câmeras nem fones de ouvido. A duração da bateria é um dos grandes desafios, mas a expectativa é que ela possa durar entre quatro e cinco dias sem a necessidade de recarga.