Como pintar sua casa – dicas e instruções

Muitas pessoas gostam de dar aquele toque especial em casa, mudar o visual do local onde moram, e, por isso, apostam em uma nova pintura. Algumas vezes acabam até dispensando profissionais como pintores, por exemplo. Afinal, elas sentem prazer em arrumar a casa onde vão morar e querem deixá-la do jeito que imaginaram e sonharam. Nessa hora, pintar a casa é uma das tarefas principais. Mas, como pintar a casa sem sujá-la? Como escolher a tinta para casa? Como escolher os melhores pincéis?

 

Às vezes o orçamento também está apertado e, aí, ao invés de contratar um pintor para pintar as paredes, a solução é fazer o serviço por conta própria, mesmo não tendo muita experiência em escolher a melhor cor de tinta, por exemplo. No entanto, mesmo quem não tem intimidade com tintas, rolos e pincéis pode fazer um bom trabalho, basta prestar atenção sobre algumas dicas de como pintar parede sem comprometer o resultado final.

Quem nunca pintou uma parede talvez tenha dificuldade em comprar a quantidade adequada de tinta para parede. Por isso, faça o seguinte. Calcule o tamanho da área que será pintada. Para fazer o cálculo, meça a parede e multiplique pela altura do pé direito. Use a metragem para multiplicar pelo número de demãos, que normalmente corresponde a três. Se tiver alguma dúvida, pergunte ao vendedor sobre como fazer o cálculo. Desta forma, você não correrá o risco de ficar sem o produto quando for pintar a sua casa.

Vale lembrar que a parede faz parte da decoração da casa, por isso merece atenção especial. Além do mais, você provavelmente vai querer exibir os seus dotes como pintor para os amigos, não é? Então, para que você faça um bom trabalho, confira as dicas a seguir. 

Pintando a casa

Quem pensa que pintar uma casa é só comprar tinta, rolo e pincéis, e começar a pintar, está enganado. A pintura de parede requer técnica e cuidados de quem vai fazer o serviço para não comprometer o resultado final. Confira a seguir algumas dicas para pintar a casa e não se esquecer de nenhum detalhe referente à casa e pintura.


  • Compre material
    Se você acha que para pintar uma parede é necessário somente comprar material como tinta e rolo de pintura, então é melhor começar a se familiarizar com os materiais que você terá de usar se for fazer o serviço.
    Confira os materiais necessários: lixa, fita crepe (para proteger batentes e rodapés e para fixar as lonas), massa corrida (cobrir eventuais falhas e imperfeições da parede), escada, extensor de rolo para pintura em áreas altas, óculos de proteção, espátula, lona plástica ou qualquer cobertura (proteger móveis e piso), trincha para fazer os recortes (quinas, juntas, cantinhos de esquadrias), bandeja para despejar a tinta, misturador de tinta, panos de limpeza.

     

  • Prepare o espaço para a pintura
    Antes de iniciar o trabalho, prepare o espaço. Forre o chão com uma lona ou folhas de jornal, para que a tinta não caia no chão. Retire todos os objetos da parede, como quadros e espelhos, e proteja os móveis, cobrindo-os. 
     
  • Escolha cores diferentes das dos móveis
    Escolher a cor de parede igual a cor dos móveis não é uma boa solução, já que os móveis perderão o destaque na decoração.
     
  • Verifique se a parede está ok
    Se a parede já tiver uma tinta anterior, não comece logo passando a primeira demão de tinta. Antes, lixe a superfície e tape os buracos ou fissuras com massa corrida ou gesso para que a parede fique uniforme. Confira ainda se a parede está seca e limpa.
    Obs: Não pinte as paredes caso elas estejam úmidas ou sujas, isso compromete totalmente os resultados.

     

  • Pintando a parede
    Com o rolo, pinte a parede mantendo a posição vertical. Aguarde o tempo certo da secagem para aplicar a segunda demão.

  • Escolha a estação do ano 
    Por causa da umidade, a pintura deve ser evitada em dias de chuva, por isso a pintura das paredes deve ser realizada durante as estações mais secas do ano. O ideal é que a  temperatura não esteja a menos de 10 °C e nem acima de 35°C.
     
  • Cuidado com o banheiro 
    Por causa da umidade, o banheiro deve ser pintado com cuidado. 
     
  • Pincéis
    Os pincéis com cerdas grisalhas são mais apropriados para aplicar tintas à base de água, como é o caso da acrílica ou PVA.
     
  • Ordem de pintura
    Comece pelo teto, depois para as paredes, pinte as molduras (portas e janelas), vá para os rodapés e finalize com o piso. 

Dicas de tinta para pintar casa

Comprar bons produtos é um dos principais requisitos para garantir a qualidade da pintura. Por isso, escolha a melhor tinta, mesmo que ela seja um pouco mais cara, já que a qualidade será maior. Além disso, a tinta mais cara garante uma aplicação mais suave e é mais resistente.

  • Escolha da tinta
    Existe uma grande variedade de tintas no mercado, e algumas são de melhor qualidade do que outras. Opte, portanto, por comprar produtos de marcas com mais credibilidade no mercado. Conheça a finalidade de cada tipo de tinta e leia as especificações da embalagem. Tome cuidado também para evitar o desperdício.
     
  • Saiba diferenciar os tipos de tinta 
    A pintura da parte interna da casa deve ser feita com látex PVA ou acrílica. Já a tinta esmalte serve para pintar madeira e ferro. 
     
  • Teste a cor 
    Às vezes você acha a cor da tinta muito bonita no catálogo, mas na hora de começar a pintura descobre que o tom da cor não lhe agrada ou não combina nada com o cômodo. Para evitar erros como este, antes de comprar uma lata grande, peça uma pequena quantidade da tinta (compre ¼ da lata) e faça o teste numa pequena área da parede.  
     
  • Cores quentes e frias
    Se você não quer ter uma casa com paredes somente brancas, escolha outros tons de cores para valorizar ainda mais o ambiente. Cores quentes e vibrantes, por exemplo, como vermelho e laranja aquecem o ambiente e combinam mais com as áreas sociais, como a sala de estar. Já os tons frios e claros, como azul e verde, dão a sensação de mais frescor e tranquilidade, e podem ser escolhidas para pintar os quartos. 
     
  • Quantidade de demãos
    A qualidade da tinta vai interferir diretamente na quantidade de demãos necessárias. O normal, segundo especialistas, é ter duas ou três demãos. No entanto, se a parede já tiver sido pintada, até quatro camadas de demão podem ser necessárias, dependendo da cor.

Cores de tinta
 

  • Tinta fácil de limpar
    Quando se tem criança em casa dificilmente as paredes permanecem limpas por muito tempo. Então, opte por pintar as paredes com uma tinta que facilite a limpeza. 
     
  • Secagem da tinta
    Já pensou se você pinta a sua casa e depois de a parede estar seca você repara que a superfície está danificada por causa da poeira que entrou pela janela? Para evitar isso, tome cuidado com o vento, pois ele pode trazer sujeita para a sua casa durante o tempo da secagem da tinta. 
     
  • Retoques na pintura
    Retoques na pintura podem ser feitos, mas o ideal é que eles não sejam necessários. Por isso, saiba que 24 horas após a aplicação, o retoque da parede pintada se torna mais difícil.